Como gravar videoaulas (slides + webcam + áudio) com apenas uma extensão

Como gravar videoaulas (slides + webcam + áudio) com apenas uma extensão

Não são necessários recursos sofisticados para produzir uma videoaula de qualidade.

A era digital está mudando a vida das pessoas, desde as ações mais rotineiras como acessar uma conta bancária ou solicitar um meio de transporte. Na educação, a tecnologia também está alterando as experiências e dando cara nova à área.

Dados divulgados pela revista Forbes dão conta de que o mercado global de e-learning deve alcançar nada menos do que a marca de 325 bilhões de dólares até 2025. As vantagens do e-learning vão do baixo custo à flexibilização. Mas erra quem pensa que a educação digital é baseada apenas em disponibilizar videoaulas em qualquer plataforma. A educação digital, educação on-line ou EAD (são vários os nomes usados) conta com estratégias para produzir conteúdos de forma eficaz, baseadas 3 pilares fundamentais.

Os 3 pilares fundamentais do EAD

Abaixo apresentamos questões que devem ser respondidas por qualquer empresa ou profissional que pretenda transformar o processo de ensino e aprendizagem para o formato digital ou EAD.

1) Organização e planejamento do do curso e videoaulas

Para planejar o curso e as videoaulas, as seguintes perguntas devem ser respondidas:

  • Quem é o público alvo?
  • O que ele pensa e sente?
  • O que ele vê e escuta?
  • O que  ele fala e faz?
  • Quais competências serão trabalhadas para atender esse público?
  • O que precisa ser ensinado?
  • De que forma o conteúdo será entregue: videoaulas ou outra forma?
  • Que técnicas utilizar?
  • Quanto tempo será necessário?

2) Plataforma de ensino ou learning management system (LMS)

Quais são os recursos e funcionalidades essenciais da plataforma onde os treinamentos serão oferecidos? É importante criar uma lista de critérios a serem atendidos pela plataforma LMS.

3) Operacionalização (dia a dia)

O dia a dia também deve ser pensado para aumentar o engajamento dos participantes.

  • Como será a dinâmica do curso?
  • Haverá somente aulas gravadas ou ao vivo?
  • Os conteúdos serão disponibilizados de uma só vez ou com uma frequência pré-definida?
  • Haverá horários específicos de disponibilização de conteúdos?
  • Como será feito o envio e correção de atividades?

A gravação de videoaulas

Certamente o conteúdo é o aspecto principal a ser planejado e desenvolvido. E várias são as dúvidas relacionadas a como gravar uma videoaula. Nem toda empresa ou profissional do conhecimento possui recursos para gravar suas aulas em estúdio. Mesmo assim, é possível criar aulas engajadoras com poucos recursos técnicos.

Existem vários softwares e métodos que permitem a gravação. Neste post, vamos apresentar uma maneira que consideramos mais simples e econômica, usando uma extensão do Google Chrome chamada Screencastify.

Instalação e configuração do Screencastify

Instale a extensão do Screencastify no Google Chrome clicando neste link.

Faça o download e autorize a instalação do aplicativo no seu navegador. Os passos são simples e intuitivos.

Após seguir esses passos, o ícone do Screecastify será adicionado no canto superior direito da sua tela. Clique sobre ele para configurar o serviço.

A configuração dessa extensão é feita em 3 passos. No primeiro passo, você deve logar com sua conta Google. Dessa forma, os vídeos gravados podem ser armazenados no Google Drive.

No segundo passo, você deve habilitar a câmera e microfone, além das ferramentas de anotação.

No terceiro e último passo da configuração, selecione sua função (educador, estudante, usuário corporativo, do governo ou outro).

Apresentação dos slides do Power Point

O efeito final da aula gravada (slides + webcam + áudio) é semelhante ao exibido na imagem abaixo.

Antes de iniciar a gravação das aulas, sugerimos deixar a apresentação de slides do Power Point pronta e configurada. Para isso, abra a apresentação do PowerPoint com o conteúdo que deseja apresentar. Clique na guia Apresentação de slides. Em seguida, clique em Configurar apresentação de slides. Em Mostrar tipo, selecione Navegado por um indivíduo (janela). Clique  em OK.

Para apresentar os slides, clique na guia  Apresentação de slides  e, em seguida, clique em  Reproduzir desde o início para entrar no modo de apresentação. Nesse momento, seu conteúdo está pronto para ser apresentado, e podemos então começar a gravar sua tela com a webcam.

Gravação da tela do computador

Agora que você configurou tudo, já é possível gravar os slides com sua webcam. Clique sobre o ícone do Screencastify para ver as opções disponíveis. Basta escolher uma delas e clicar em Record para começar a gravar. Lembrando que, para gravar sua apresentação do Power Point + webcam + áudio você deve selecionar Desktop, Microphone e Embed Webcam, como na imagem abaixo.

Ao clicar em Record, uma tela será aberta pedindo permissão para você compartilhar sua tela. Selecione a opção A tela inteira e clique em Compartilhar.

É importante ressaltar que a versão gratuita dessa extensão permite a gravação de 5 minutos de vídeos. Para a proposta de microlearning, esse tempo é ideal, as pessoas se sentem estimuladas em assistir a videoaulas curtas, dando a sensação de tarefa cumprida mais rapidamente. Mas deve-se prestar especial atenção no planejamento do curso de forma a subdividir os temas a serem apresentados em micro temas que possam ser apresentados nesse tempo. Caso prefira a versão paga, o investimento é pouco maior que R$100,00 por ano.

Quando quiser parar de gravar, é só voltar para o ícone no canto superior direito da página e clicar sobre ele. Na sequência, clique no botão Stop para finalizar a gravação. O vídeo em questão será aberto em uma nova aba do navegador.

É possível escolher entre diversas opções como baixar o vídeo, compartilhá-lo diretamente no YouTube ou salvá-lo no Google Drive. Antes de divulgar o vídeo, é possível recortar trechos (do início e do fim) e apagá-los antes de salvar. Para isso, utilize o recurso da tesoura que aparece abaixo da tela do vídeo. Você verá duas tesouras, à esquerda e à direita. Arraste as tesouras até a parte do início e fim do vídeo que deve ser recortada. Depois é só clicar em Save Trim para salvar o vídeo editado.

Dicas para a videoaula e o áudio ficarem com boa qualidade

Alguns cuidados devem ser tomados durante a gravação para que as videoaulas sejam exibidas com um bom grau de qualidade. O primeiro ponto de atenção está relacionado à iluminação. Verifique se seu rosto está bem iluminado, e procure não gravar em um local em que a janela fique atrás de você, assim o fundo ficará muito iluminado e seu rosto ficará escuro. Se sua iluminação não for boa, use um pequeno abajur para realçar seu rosto, e preste atenção para não dar muita sombra.

Outro cuidado a ser tomado diz respeito ao fundo. Lembre-se de que a atenção deve ser voltada para você e seu conteúdo. Logo, procure um fundo neutro, que não chame tanta atenção. O ideal seria um fundo liso (como uma parede). Pessoas gostam de filmar com livros ao fundo, e essa opção é apropriada, desde que os livros não chamem mais atenção do que o rosto do professor.

Por fim, é importante ter um áudio de boa qualidade. Especialistas em vídeos dizem que metade da qualidade de uma apresentação se deve a um áudio claro e sem interferências. Assim, estar em ambiente tranquilo ajuda muito. Mas um microfone eleva o grau de qualidade do áudio. Se você não tiver muitos recursos, use pelo menos aqueles fones de ouvido de celulares com microfone.

A forma com que o conteúdo é transmitido é importante

À frente da Viddia e há 12 anos trabalhando com educação a distância, Fabiana Bigão , que é doutora com foco em EAD e sócia da Viddia, estudou a fundo os fatores que contribuem para que alunos concluam com sucesso experiências de cursos on-line. As dicas da profissional podem ser resumidas abaixo:

1) Organização e projeto da disciplina: planejar aulas consistentes, com uma boa narrativa e encadeamento de ideias deixa os alunos mais confiantes e seguros;

2) Necessidade de uso do conteúdo: criar significado mostrando a utilidade do assunto no dia a dia ajuda a despertar o interesse do estudante pela aula;

3) Vídeos narrados pelo professor: nada substitui a espontaneidade de um professor diante de um vídeo para transmitir proximidade ao aluno;

4) Personalidade do professor, forma de se expressar e humor: adicionar diversão à aula aguça a curiosidade dos estudantes e desperta o interesse para os próximos conteúdos;

5) Tutorias e exemplos explicativos: simular situações práticas e dar um passo a passo de como fazer são fundamentais para uma aula eficiente;

6) Atividades práticas e verificação de aprendizagem: alunos gostam de ser testados e avaliados. Exercícios e correções, portanto, são essenciais. 

Assista gratuitamente nossos curso sobre Como Criar Cursos On-line Engajadores

Caso queira se aprofundar nas melhores práticas para criar videoaulas que encantam, obtenha um acesso gratuito ao nosso curso clicando aqui.

Acompanhe-nos nas redes sociais

Siga-nos no YoutubeFacebook, TwitterLinkedIn e Instagram, estamos sempre disponibilizando conteúdo gratuito de qualidade!

0

Post a comment